Como se tornar um CEO, Como se tornar um CEO em 9 passos, SuprimatecIdeias e Marketing 

Como se tornar um CEO em 9 passos

Quer saber como se tornar um CEO e se encarregar de uma organização? Muitos profissionais ambiciosos aspiram ao cargo de diretor executivo. Mas o que realmente é preciso para alcançar esse objetivo grandioso?

Algumas pessoas se tornam CEOs iniciando sua própria empresa e se estabelecendo como o chefe. É assim que empreendedores bem conhecidos, como o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, conseguiram o cargo máximo. Mas, na maioria dos casos, os CEOs começam em posições júnior e assumem gradualmente mais responsabilidades à medida que sobem a escada corporativa. Isso significa obter a educação apropriada, adquirir experiência de trabalho, cultivar conexões com as pessoas e desenvolver continuamente novas habilidades e conhecimentos. Se você fizer o trabalho e se esforçar, poderá alcançar esse nível de sucesso.

As informações abaixo descrevem nove etapas principais que ajudarão você a subir nas classificações e se preparar para a posição de CEO. Você também pode ler sobre algumas das características mais comuns que os CEOs de sucesso possuem. E você pode até obter dicas sobre como causar uma boa impressão quando for a hora de fazer uma entrevista para um lugar na suíte executiva.

9 passos para se tornar um CEO

Muitas pessoas sonham em se tornar o chefe final de uma organização. Com dedicação, perseverança e trabalho duro, você pode progredir na escada corporativa. Aqui estão nove passos concretos que você pode seguir para aumentar suas chances de sucesso:

1 – Procure oportunidades de desenvolvimento de habilidades.

Se você tiver certeza de que deseja liderar uma empresa algum dia, comece a ganhar as habilidades necessárias o mais rápido possível, até mesmo no ensino médio. Apontar para expandir suas habilidades de tomada de decisão, organizacional, comunicação e liderança de qualquer maneira que puder. Possibilidades incluem:

  • Envolvendo-se no grêmio estudantil
  • Juntando-se a uma equipe de debate
  • Tornar-se parte de um clube de jovens empreendedores
  • Liderando uma equipe esportiva
  • Voluntariado para uma instituição de caridade ou sem fins lucrativos
  • A ideia é buscar qualquer atividade que exponha você à realidade de administrar um negócio ou organizar e gerenciar pessoas.
Como se tornar um CEO, Como se tornar um CEO em 9 passos, Suprimatec

2 – Obter um diploma de bacharel.

A menos que você esteja fundando sua própria empresa, é extremamente improvável que você seja considerado para um cargo de CEO se não tiver um diploma. Certamente, alguns chefes-executivos chegaram onde estão, abandonando a educação formal, subindo em posições de nível de entrada em suas empresas e sendo promovidos com base na experiência. Mas esses casos são relativamente raros. De fato, um estudo de 2.600 CEOs americanos revelou que 92% deles tinham diploma universitário; aqueles que não demoraram 15 por cento a mais para alcançar o cargo mais importante.

Dito isto, não existe apenas um caminho educacional que o leve ao escritório da esquina. Entre os CEOs da Fortune 100, alguns dos cursos de graduação mais comuns são em engenharia, administração de empresas, economia e contabilidade. Se você pretende entrar em um setor específico, como tecnologia da informação ou administração de serviços de saúde, pense em focar nessas áreas.

Tenha em mente que não importa o que você importante, você seria sábio para fazer cursos que podem aumentar seu conhecimento financeiro. Administrar uma empresa exige conhecer o seu caminho em torno de uma declaração de lucros e perdas, por isso certifique-se de aprender o máximo possível sobre contabilidade ou economia.

3 – Considere estudos de pós-graduação.

Como se tornar um CEO, Como se tornar um CEO em 9 passos, Suprimatec

Muitos diretores executivos têm MBAs ou graus avançados em economia ou direito. Buscar estudos de nível superior pode ajudá-lo a desenvolver habilidades mais aprofundadas e, talvez mais importante, expandir sua rede de contatos do setor. Muitos programas também oferecem a você a chance de completar estágios ou mesmo trabalhar no exterior.

Você pode ir direto para um programa de pós-graduação depois de terminar seu grau de bacharel, mas muitos líderes aspirantes acumulam experiência de trabalho no mundo real antes de buscar educação adicional.

A sabedoria convencional sustenta que a melhor maneira de se preparar para um papel executivo chefe é obter um MBA de uma escola bem classificada. Cerca de um terço dos executivos da Fortune 100 têm MBAs, muitos de instituições de elite como a Harvard Business School e a Wharton School da Universidade da Pensilvânia. Tais graduações da Ivy League costumam ser altamente consideradas por causa da natureza seletiva e competitiva desses programas.

Mas nem todos os chefes de empresas têm tais pedigrees ilustres. Na verdade, o CEO do Walmart, Doug McMillon, líder da empresa número um na lista da Fortune 500, obteve seu MBA da Universidade de Tulsa. E entre um grupo de mais de 2.000 CEOs nos EUA, apenas sete por cento tinham um diploma da Ivy League. Portanto, você não precisa necessariamente ir a uma escola superior para terminar no cargo mais alto.

Se você está tentando decidir se um determinado programa de MBA é certo para você, considere estas perguntas:

  • O programa oferece treinamento prático em comportamento organizacional e liderança?
  • Que tipos de estágio estão disponíveis?
  • Quão extensa é a rede de ex-alunos? Está concentrada em uma indústria ou área geográfica específica?
  • Como os graduados do programa avaliam sua experiência na escola?

Conheça o projeto Quero ser CEO, são vídeos online de Antonio Maciel Neto com dicas técnicas e comportamentais para quem quer progredir na carreira e melhorar os resultados da sua empresa. Clique aqui.

4 – Comece a ganhar experiência.

Uma posição de CEO obviamente não é um trabalho de nível de entrada. Você precisará começar em um nível mais júnior na empresa ou na indústria que lhe interessa e progredir. Procure uma posição que apresente oportunidades de crescimento. Muitas empresas oferecem programas de treinamento gerencial que podem aumentar suas chances de progresso, portanto, aproveite as opções disponíveis.

Seja qual for o papel que você começar, dedique-se a aprender o máximo que puder sobre sua organização e sua indústria. Trabalhe para melhorar suas habilidades de comunicação e solução de problemas. Procure o conselho de profissionais experientes. Faça tudo o que puder para demonstrar sua competência e entusiasmo. Mais importante ainda, complete todas as tarefas com o melhor de sua capacidade. Se você puder causar um impacto mensurável no sucesso de uma organização, você terá uma boa chance de ser promovido.

À medida que você ganha experiência e sobe na hierarquia, aponte-se para papéis de gerenciamento que lhe permitirão administrar uma importante unidade de negócios. A maioria dos CEOs trabalha em cargos de alto nível em operações ou finanças antes de serem escolhidos para o cargo principal.

5 – Expanda seus conhecimentos.

Desenvolver uma ampla gama de habilidades e conhecimentos é importante. Os CEOs precisam entender como todas as partes da empresa interagem, portanto, obter conhecimento em mais de uma área funcional (como vendas e finanças) pode ser muito benéfico. De fato, um estudo de consultores gerenciais que assumiu funções executivas constatou que toda função comercial adicional aprendida equivalia a cerca de três anos extras de experiência de trabalho.

Muitas organizações também procuram executivos-chefes com experiência em nível internacional. Em um mercado cada vez mais global, entender como as diferenças culturais afetam as funções dos negócios é fundamental para quem quer liderar uma grande empresa.

Além disso, tenha em mente que permanecer em uma função por mais de dois ou três anos não é a melhor maneira de se preparar para um cargo de CEO. O executivo-chefe típico chega ao topo por volta de 24 anos em sua carreira, até o ponto em que geralmente ocupa entre oito e 11 posições. Se você quer avançar, precisa continuar crescendo e aprendendo. Procure por desafios que o empurrem para fora de sua zona de conforto e preencha as lacunas em seu conjunto de habilidades.

Como se tornar um CEO, Como se tornar um CEO em 9 passos, Suprimatec

6 – Cultive conexões.

Construir uma rede de contatos dentro e fora da empresa é essencial para o sucesso geral. Poucas pessoas ascendem ao cargo de CEO sem primeiro se identificar entre os principais interessados. Enquanto algumas organizações procuram candidatos a CEO de outras empresas ou setores que trazem uma nova perspectiva, muitos tendem a promover a partir de dentro.

Portanto, concentre-se no desenvolvimento de relacionamentos com clientes, fornecedores, influenciadores do setor, reguladores, outros CEOs e membros do conselho. Participe de conferências do setor ou inscreva-se em programas de educação executiva. Tente ir além das interações superficiais e realmente se conectar com as pessoas. Ter uma extensa rede de alto calibre não apenas ajudará você a obter a pequena lista de candidatos a CEO, mas também lhe dará mais recursos para utilizar quando alcançar o cargo mais alto.

7 – Junte-se a um conselho de diretores.

Muitos executivos servem como membros não remunerados do conselho de administração de grupos sem fins lucrativos antes de assumir as rédeas de uma empresa como CEO. Essa é uma excelente maneira de aprender sobre a dinâmica da diretoria e adquirir uma valiosa experiência na definição de estratégias, na supervisão das operações e no desenvolvimento de uma organização.

Você também terá a chance de se relacionar com outros profissionais de negócios e expandir sua rede pessoal. Pode ser demorado (já que, na maioria dos casos, os membros do conselho devem se comprometer a servir por pelo menos um ano), mas também pode fornecer uma visão inigualável dos desafios de ser um CEO.

8- Suba.

Como se tornar um CEO, Como se tornar um CEO em 9 passos, Suprimatec

Uma das melhores maneiras de demonstrar suas qualidades de liderança é encontrar um caminho para uma questão como uma falência ou um produto com baixo desempenho. Tais projetos podem ser grandes chances de mostrar que você sabe avaliar uma situação, tomar decisões e resolver problemas. Muitos líderes aceleram suas carreiras adotando oportunidades mesmo quando não se sentem necessariamente preparados para os desafios.

Além disso, lembre-se de que os gerentes seniores estão, de certa forma, isolados das consequências de uma estratégia ineficaz ou de uma decisão ruim, mas o investimento acaba com o CEO. Para se preparar para essa pressão, assuma as iniciativas de alto nível e demonstre que você pode assumir responsabilidade pessoal pelo seu sucesso. Você quer mostrar que está disposto a defender seu trabalho e ser responsável.

9 – Seja ousado – e não tenha medo de falhar.

Os executivos-chefes enfrentam constantemente desafios que não têm solução prescrita. Você precisará agir de forma decisiva mesmo quando tiver informações ambíguas ou incompletas. Isso não significa seguir adiante sem uma consideração cuidadosa, mas significa estar pronto para avançar com convicção para que você não atrapalhe o progresso de uma organização.

Ao contrário do que você poderia esperar, nem todos os que chegam ao topo o fazem sem tropeçar. Na verdade, em sua jornada para o cargo de CEO, cerca de 45% dos candidatos ao cargo principal cometeram um grande erro que era dispendioso para eles ou seus negócios. Mas os líderes de sucesso se distinguem pela forma como lidam com esses fracassos. Se você puder tratar contratempos como oportunidades para se adaptar, aprender e crescer, você pode mostrar seu potencial executivo.

Publicado originalmente em Trade Schools, para ver o artigo completo com mais dicas clique aqui.

Related posts

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: