Dicas

Seja um walker no Rio de Janeiro, conheça a cidade como um carioca e pague o que achar justo.

“Cidade maravilhosa, cheia de encantos mil. Cidade maravilhosa, coração do meu Brasil!” Esta bela canção é o hino do Rio de Janeiro e expressa bem o que a cidade apresenta a quem a visita, o que ajuda a explicar porque recebe centenas de milhares de pessoas todos os anos.

De acordo com dados da Polícia Federal que foram apurados pelo Ministério do Turismo, 6,588 milhões de estrangeiros visitaram o Brasil no ano de 2017 e 20,5% (1,355 milhão) foram para o Rio de Janeiro, ou seja, a procura internacional pelo estado fluminense é comprovada.

Com paisagens de fazer cair o queixo e atrações turísticas imperdíveis, é importante que os visitantes tenham o auxílio de alguém que conheça a região, e uma boa pedida são os Free Walking Tours, que fogem do tradicional e te ajudam com tudo o que você precisa conhecer.

Vamos aprender mais sobre esse tipo de serviço, onde ele surgiu e como funciona, o que deixará bem claro para você como é a melhor escolha possível para te acompanhar em sua visita ao Rio de Janeiro!

O que é o Free Walking Tour?

É uma alternativa de turismo que visa apresentar os principais pontos de interesse de uma cidade ou região, de modo que os turistas possam conhecê-los e, assim, agregar uma bagagem cultural que deixará a viagem ainda mais especial.

A modalidade se assemelha aos passeios feitos com guias turísticos, com a diferença de que a pessoa que conduz o passeio (chamada de walker) geralmente é um jovem estudante, que planeja o passeio de modo a ser o melhor possível, com a dose certa de agitação, descontração e entusiasmo.

Além disso, outra diferença importante em relação aos passeios com guias turísticos é o fato de não haver um preço definido para a atividade. Cada participante paga o quanto achar justo, o que funciona como uma gorjeta para os serviços que foram prestados pelos walkers.

Como o nome indica, os passeios são feitos em caminhadas, sem o auxílio de veículos ou outros meios de transporte, o que é ideal para conhecer de perto as principais atrações de cada destino.

Em cada Free Walking Tour, o objetivo é que o walker passe aos visitantes o máximo possível de informações relevantes sobre os locais visitados, como questões históricas e curiosidades, ou seja, detalhes que jamais seriam conhecidos em uma visita feita individualmente.

Com uma linguagem leve, jovem e tranquila, a experiência tende a ser inesquecível para todos os participantes, que além de conhecerem com maior riqueza de detalhes sobre os lugares, também podem construir novas amizades e economizar em suas viagens sem abrir mão da qualidade.

Quando surgiu o Free Walking Tour?

O primeiro tour oficial ocorreu no ano de 2004 na cidade de Berlim, Alemanha. Esse foi o ponto de partida registrado de uma área com alto potencial de crescimento por suas inúmeras vantagens.

Hoje em dia, o serviço é oferecido em mais de 110 países, de Brasil a Itália, de Estados Unidos a Austrália, de África do Sul a Japão.

Alguns dos países com destinos mais procurados pelos interessados são os seguintes:

  • América do Sul: Brasil, Chile, Argentina, Peru, Colômbia, Uruguai.
  • América do Norte: Estados Unidos, Canadá, México, Porto Rico.
  • Ásia: Japão, Índia, China, Hong Kong, Catar, Emirados Árabes Unidos, Tailândia.
  • África: África do Sul, Egito, Marrocos, Etiópia.
  • Europa: Alemanha, Itália, França, Inglaterra, Espanha, Grécia, Suíça, Turquia.
  • Oceania: Austrália e Nova Zelândia.

Como funcionam os Free Walking Tours no Rio de Janeiro?

Através da visita e de explicações sobre os principais destinos da cidade maravilhosa, que são os seguintes, com os respectivos pontos de encontro:

  • Centro e Lapa: Relógio Histórico do Largo da Carioca;
  • Copacabana e Ipanema: Praça Jardim Eugênio;
  • Boulevard Olímpico e Herança Africana: Relógio Histórico do Largo da Carioca.

Os passeios ocorrem todos os dias, geralmente sem a necessidade de fazer reservas, a menos que o grupo seja maior de 10 pessoas ou que o passeio seja feito em alta temporada na cidade.

O fato de o ponto de encontro ser um lugar conhecido torna o acesso mais fácil a todos os participantes, que podem encontrar rotas facilmente através de aplicativos de mapas ou mesmo de informações presentes nas ruas e placas, ou seja, a opção é ideal até mesmo para quem não tem qualquer conhecimento sobre o local.

Geralmente, os passeios duram em torno de 2 horas e meia e são feitos nos dias marcados, mesmo em casos de chuva. A maioria dos tours é feita em inglês, idioma universal e que facilita a comunicação.



Quanto custa participar de um Free Walking Tour no Rio de Janeiro?

Essa é uma dúvida comum e interessante, que diz respeito a uma das principais características do passeio, que é de não ter um preço definido para participação dos interessados.

O sistema funciona de maneira similar às gorjetas, que não possuem valor mínimo ou máximo e são oferecidas de acordo com a satisfação e interesse de cada participante em agradecimento e reconhecimento à qualidade do que lhes foi oferecido.

Ainda que não haja valor mínimo ou máximo, os Free Walking Tours no Brasil costumam ser feitos mediante a contribuição de valores entre R$ 20 e R$ 50. Afinal de contas, precisamos lembrar que os walkers dependem do dinheiro para continuar a prestar serviços de qualidade, e nada mais justo do que contribuir com eles.

O valor é irrisório ao comparar com o que é cobrado por guias turísticos, além do fato de que você participará de uma genuína experiência carioca, com uma demonstração de sua cultura, culinária, história e informações super interessantes. Quem tiver gostado muito da experiência sempre pode contribuir com mais!

Free Walking Tours: a sua oportunidade de conhecer o Rio de Janeiro como um carioca da gema

Muito além de um simples passeio, esses tours são uma verdadeira experiência cultural, com detalhes, informações e interações que darão um toque especial para a sua viagem, mediante um investimento que cabe no bolso e, de quebra, ajuda o trabalho de quem tanto se dedica para contribuir com sua viagem.

Na próxima vez que estiver nessa bela cidade, não perca a oportunidade de participar de um Free Walking Tour Rio de Janeiro e sinta na pele como essa decisão fará a sua viagem ser ainda mais sensacional!

Etiquetas
Mostrar mais

Eder Oelinton

Jornalista, amante de tecnologia e curioso por natureza. Busco informações todos os dias para publicar para os leitores evoluírem cada dia mais. Além de muitas postagens sobre varias editorias!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
%d blogueiros gostam disto: