fbpx
Sociedade

Quem vai ganhar o BBB21? Dicas do detetive para você apostar certo no vencedor

Edições passadas dão boas pistas de tudo o que o próximo vencedor do programa deve ter para se tornar milionário.

O ano mal começou, mas todo mundo já está interessado em saber quem vai ganhar o BBB 21. O reality show está prestes a começar, e, depois de uma edição histórica, promete superar e gerar ainda mais entretenimento para os telespectadores.

Os participantes ainda não foram oficialmente anunciados, mas já tem muita gente especulando quem poderia ser o novo milionário do Brasil.

Não dá para afirmar quem será o vencedor, porém, um detetive particular fez uma análise do perfil dos campeões das edições passadas e entregam pistas importantes sobre as características que o vencedor deve ter.

Que tal descobrir quem vai ganhar o BBB21? Pode render uma aposta bem divertida com os amigos e familiares!

Origem humilde pode ser vantagem

Thelma Assis (BBB20), Gleici Damasceno (BBB18) e Emilly Araújo (BBB17) tinham em comum uma origem humilde, viveram situações difíceis e superaram muitos desafios antes de entrarem na casa.

No passado, outros finalistas também apresentaram histórias similares, como as vencedoras Cida Santos (BBB4) e Mara Viana (BBB6).

Mulheres estão em alta

Nas últimas cinco edições do reality show, todas as vencedoras foram mulheres: Thelma Assis (BBB20), Paula von Sperling (BBB19), Gleici Damasceno (BBB18), Emilly Araújo (BBB17) e Munik Nunes (BBB16).

Agora, já são no total 10 vencedores do sexo masculino e 10 do sexo feminino. A próxima edição será definitiva para saber o favoritismo do público.

Imbatível nos paredões

O campeão do BBB10, Marcelo Dourado, sobreviveu a cinco paredões antes de se tornar milionário. Na edição passada, Babu Santana foi para a berlinda 10 vezes e ficou muito perto de ser um dos três finalistas do BBB20.

A resistência aos paredões pode ser um ponto forte para os participantes pois, quanto mais vezes eles retornam, mais o público dá indícios sobre o seu favorito.

Pet lovers

O que Rodrigo Cowboy (BBB2), Fael Cordeiro (BBB12) e Vanessa Mesquita (BBB14) tinham em comum? O amor pelos animais.

Todos sagraram-se vencedores apostando no discurso para o destino de $1 milhão: trabalhar com animais em fazendas ou auxiliando pets abandonados.

Fãs-clubes de peso ajudam

Os fãs-clubes sempre foram essenciais para a permanência dos brothers na casa. Eles são responsáveis por contribuir com mutirões nas votações e, com a popularização das redes sociais, acabam propagando positivamente a imagem de seus favoritos e complicando a vida dos inimigos.

No BBB20, Manu Gavassi ficou em 3º lugar, mas foi a responsável pelo recorde de votações em paredão, tirando da casa um dos favoritos ao prêmio, Felipe Prior.

Formação de casais

Entrar em um relacionamento com alguém da casa já foi uma forma de conseguir se destacar e chegar à final do programa.

Foi o caso de Dhomini Ferreira (BBB3), que formou par com Sabrina Sato; Diego Alemão (BBB7), que viveu um triângulo amoroso com Iris Stefanelli e Fani Pacheco; e Vanessa Mesquita (BBB14), que se relacionou com Clara Aguilar.

E aí, qual vai ser o seu palpite?

Eder Oelinton

Jornalista, amante de tecnologia e curioso por natureza. Busco informações todos os dias para publicar para os leitores evoluírem cada dia mais. Além de muitas postagens sobre varias editorias!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: