Tecnologia

Futurecom: Raisecom anuncia novos provedores de banda larga com a sua tecnologia

Empresas recém-criadas, como ViaClip e Polvo, implementaram sua infraestrutura de fibra óptica a partir do zero, contando com equipamentos da Raisecom.

Raisecom, um dos maiores fabricantes mundiais de equipamentos para redes de banda larga, anuncia na Futurecom 2019 que cerca de 100 provedores de serviços de Internet (ISPs) passaram a utilizar a sua tecnologia de redes de fibra óptica apenas nos últimos nove meses.

Desse total, 15% dos novos clientes são empresas recém-inauguradas que construíram sua infraestrutura a partir do zero, com tecnologia da Raisecom, para concorrer com grandes operadoras.  

Presente no Brasil há cinco anos, desde o início de 2019 a Raisecom passou a focar sua estratégia de marketing no mercado de ISPS regionais, que hoje são responsáveis por 60% das vendas da indústria de infraestrutura para banda larga no Brasil. 

Um exemplo desses novos provedores é o da Polvo Internet Múltipla (de Pelotas, RS), um ISP recentemente estruturado com tecnologia de redes ópticas gerenciáveis da Raisecom. 

Inaugurado há apenas cinco meses, a partir de um investimento tido como “moderado” por seus empreendedores, a Polvo já ganha o impulso de mais de mil clientes residenciais e corporativos interessados em produtos de maior valor, como telefonia digital (IP), serviços gerenciados de banda larga em planos de assinatura de até 100 Mb e serviços de data center premium com garantia de disponibilidade, escala e segurança. 

“Montamos um portfolio capaz de surpreender o público mais exigente, com a vantagem de estarmos muito mais próximos de cada cliente, falando a sua linguagem e vivendo numa realidade financeira compatível com a  desses assinantes“, afirma o CEO da Polvo, Alceu Cheuiche.

“Para viabilizar projetos como este, nós da Raisecom passamos a oferecer uma linha de equipamentos de rede carrier class com recursos de prestação de serviços idênticos aos das operadoras, mas com uma base de custo compatível com escalas menores de assinantes”, assinala Márcio Cachapuz, diretor comercial da Raisecom. 

Em outra região do país, mas em situação semelhante, mais um exemplo de empreendimento novo na área é o do Provedor ViaClip. Inaugurada há em meados de outubro  no Bairro da Freguesia do Ó (capital paulista), a ViaClip tem uma missão ousada de disseminar TV por assinatura e programação on-demand com qualidade full-motion para uma população que está nas franjas do foco das grandes operadoras. Equipado com estruturas de OLT, ONUs e roteadores ópticos da Raisecom, a ViaClip quer conquistar assinantes com uma proposta sintomática.

De acordo com os sócios Arnaldo Amorim e Roberlei Marchette, ao contrário das típicas operadoras, que valorizam planos de fidelidade, nós vamos oferecer contratos baseados na satisfação de clientes e deixá-los livres em sua escolha de permanecer conosco.

É com diferenciais desse tipo – atendimento personalizado, contratos mais flexíveis ou simplesmente garantindo ao mercado produtos de banda larga escassos em suas regiões – que os provedores novos ou modernizados vêm avançando e se consolidando como alternativa concreta.  No caso de alguns players, a iniciativa pode atingir milhares de quilômetros de fibra óptica e ultrapassar o limite de várias cidades.

A Newmaster Telecom, um provedor baseado em redes Gpon da Raisecom, atinge 27 cidades com fibra até a porta e, só nos planos corporativos, tem 2 mil clientes de banda larga. Entre os serviços residenciais estão conexões de velocidade garantida para conteúdos da Netflix, e Google Play.

De acordo com Márcio Cachapuz, iniciativas novas, como a da Polvo e da ViaClip, já têm participação expressiva nas vendas da fabricante, que hoje contabiliza cerca de 15 novos provedores estruturados do zero com a sua tecnologia. “Em menos de um ano focando no mercado de ISPs, a Raisecom já está hoje em cerca de 100 provedores e devemos chegar a 1000 ao longo de 2020”, assinala Cachapuz. 

Redes Carrier Class na Futurecom 2019

Durante a Futurecom 2019, a Raisecom irá apresentar seus novos equipamentos da linha ISCOM WS2 AC/Dual Band. Os equipamentos seguem a tecnologia GPon e se enquadram na categoria “carrier class”, levando aos provedores de Internet recursos semelhantes aos disponíveis em operadoras Tier 1.

Com este tipo de solução, a Raisecom viabiliza a provedores de pequeno a grande porte oferecer planos de assinatura de alta velocidade, atingindo até 500 Mb ou mais de banda para o cliente final com conexão Wi-fi.

Além de oferecer suporte nacional e com grande capilaridade, através da distribuidora OIW, a Raisecom atua para que os ISPs regionais possam entregar a mesma qualidade de velocidade e serviço das operadoras, mesmo para uma população de usuários menor, realizando um investimento compatível com sua capacidade financeira.

A Raisecom estará presente no evento no estande B82.

Texto: Press Consult
(11) 3865-8555
Contato: Fabiana Nogueira
[email protected]

Etiquetas
Mostrar mais

Eder Oelinton

Jornalista, amante de tecnologia e curioso por natureza. Busco informações todos os dias para publicar para os leitores evoluírem cada dia mais. Além de muitas postagens sobre varias editorias!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
%d blogueiros gostam disto: