Ideias e Marketing 

Chefe ou Líder: super técnicas para gerenciar sua equipe

Ser chefe é totalmente diferente de ser um líder. Quem age da maneira correta e motiva toda a equipe com as melhores técnicas pode mudar totalmente um ambiente de trabalho

Chefe e líder. Essas duas palavras podem até ser parecidas ou utilizadas nos mesmos contextos, mas seu verdadeiro significado é totalmente diferente, tanto na teoria quanto, principalmente, na prática.

Normalmente, esses termos designam pessoas que ocupam posições importantes em empresas e que têm equipes sob a sua supervisão. Porém, reconhecer um chefe e um líder é muito simples: basta olhar para seu comportamento e suas atitudes.

Career Category (Portuguese)728x90

Saber quais são essas diferenças é fundamental para que você possa se auto-analisar e entender se vem atuando da maneira correta no seu ambiente de trabalho. Mesmo se a resposta for negativa, fique tranquilo, pois ainda é possível mudar.

Chefe x Líder: quais são as diferenças?

Depois de conhecer quais são as características de cada um deles, ficará muito mais fácil se identificar.

Chefe

O chefe é aquele que busca todo o mérito daquilo que sua equipe faz, sem dar o devido crédito a quem lhe ajudou, mesmo quando ele não participou ativamente do projeto.

Quando ele se dirige aos outros colaboradores, não demonstra que se preocupa com o que eles pensam e delega tudo através de ordens, que devem ser seguidas exatamente de acordo com o que ele fala.

Nem sempre um chefe defende a sua equipe, ainda mais se isso não for lhe prejudicar de alguma forma. Ele também não busca se atualizar e aprender mais, já que acha que atingiu uma posição em que isso não é mais necessário.

icon icon

É importante ressaltar, porém, que isso não acontece por má fé do gestor. Pode ser que ele já tenha passado por esse tipo de experiência anteriormente e nunca tenha tido a imagem de um bom líder. O comportamento é um reflexo daquilo que ele passou.

Mesmo quem está nessa situação pode se tornar um líder de muito sucesso, desde que entenda melhor como deve se portar para tal.

Líder

A atuação do líder é diferente. Ele sempre passa o mérito para todos os colaboradores que lhe ajudaram, já que não julga ser justo levar todo o crédito pelo que outras pessoas fizeram.

Sua fala com os outros colaboradores é de igual para igual, sem querer se impor por ocupar uma posição hierárquica mais elevada. Seu objetivo é o de sempre manter a equipe motivada e animada, em busca dos melhores resultados.

O líder defende a sua equipe, já que sabe que ela é importante para o desempenho da corporação. Ele busca aprender mais a cada dia, tanto na teoria quanto na prática, para poder ajudar os outros colaboradores a terem um desempenho ainda melhor.

Esse comportamento pode ter sido desenvolvido tanto pelo fato de o líder já ter sido bem liderado em sua trajetória profissional quanto por ter tido um chefe rigoroso, o que fez com que ele soubesse como não agir e, por consequência, como se portar quando atingisse essa posição.

Quais são as melhores técnicas para liderar uma equipe?

Depois de entender melhor como se comporta um líder, você deve fazer o que for possível para que sua equipe olhe para você dessa forma, o que certamente será ótimo para todos.

Seu objetivo precisa ser sempre o de valorizar e motivar todos os colaboradores, de modo que eles se sintam mais confiantes e consigam exercer seu serviço com mais tranquilidade e eficiência.

Felizmente, existem técnicas que podem te capacitar a ser um ótimo líder, que será visto como exemplo para toda a corporação, e elas são muito mais simples do que você pode imaginar.

[adcash_300_250]

1 – Compartilhe seus conhecimentos

Um bom líder não concentra todo o conhecimento nele próprio, mas sim o divide com todos os seus colegas de trabalho. Assim, ele colabora diretamente com o crescimento profissional de cada um.

Essa é uma técnica super importante, já que se você sabe de alguma coisa, alguém lhe ensinou ou você passou por uma situação que lhe trouxe esse conhecimento. De nada adianta tentar restringi-lo apenas para si.

Quando um líder transmite aquilo que realmente sabe, ele se torna uma fonte de conhecimento para todos, o que demonstra humildade e senso de coletividade. Afinal, conhecimento compartilhado vira conhecimento dobrado, já que quem ensina também aprende.

2 – Seja respeitoso

Ninguém tem o direito de desmerecer os outros colaboradores, simplesmente porque eles ocupam um cargo hierarquicamente mais baixo do que o seu. Todo mundo começa por baixo para depois poder escalar na vida profissional.

Por isso, você precisa tratar todas as pessoas da empresa (e também da sua convivência) com respeito, não apenas aquelas que estão diretamente sob a sua supervisão, como também todas as outras. Respeito é bom em todas as ocasiões.

Quando você trata as outras pessoas com respeito, elas retribuem da mesma forma, o que resulta em um ambiente muito mais produtivo e saudável.

3 – Esteja disposto a ouvir

Bons talentos podem ser minados pela falta de espaço para se comunicar. Quantas vezes você já não teve uma boa sugestão profissional, mas que não pôde ser dita porque ninguém lhe deu oportunidade?

Isso é muito ruim: além de dificultar a solução de um problema, a atitude desencoraja os colaboradores e faz com que eles não tenham mais confiança. Por isso, você deve estar sempre aberto a ouvir.

Por mais que você tenha uma agenda apertada, separe um tempo para conversar com a sua equipe, mas tente ouvir mais do que falar. Assim, todos podem se expressar e você também conhece melhor a sua equipe.

Ao fazer isso, você também demonstra que é uma pessoa como todas as outras, que aceita sugestões e entende que não sabe de tudo. Consequentemente, o relacionamento entre toda a equipe deve melhorar muito.

4 – Ofereça e receba feedbacks

Pode ser que um colaborador que não esteja trabalhando muito bem não o faça por incapacidade, mas sim por falta de um feedback, um retorno sobre o que ele faz e o que pode melhorar.

O feedback é uma ferramenta poderosa na gestão de qualquer corporação, já que é impossível trabalhar em prol da empresa se os colaboradores não souberem o que ela quer.

Analise o trabalho de toda a sua equipe e passe feedbacks individuais. Não foque apenas no que está errado, mas sim no que está certo, com sugestões posteriores de como melhorar ainda mais e ser um profissional mais completo.

Além disso, peça um retorno para os colaboradores sobre a sua atuação. Assim, você entenderá o que eles pensam sobre você e poderá melhorar no que for necessário.

Seja um líder de sucesso!

Não é tão difícil assim ser um bom líder: basta seguir os bons exemplos e se colocar no lugar do próximo. Assim, ficará bem mais simples saber como proceder em cada situação.

O resultado de ser um bom líder será uma equipe mais produtiva, que impactará positivamente no resultado da empresa, e também ajudar na formação profissional de futuros líderes, o que é uma boa influência para o mercado de trabalho.

Hoje em dia, existem várias ferramentas que podem te ajudar a aprender a mentalidade dos líderes, para que você possa atuar assim no seu trabalho.

Uma ótima alternativa são os cursos online, que trazem toda a teoria de como você precisa agir para ser um bom líder. Então, com o conhecimento teórico, basta aplicá-lo na prática para ser um líder de sucesso, sempre admirado por onde passa!

Texto: Tainá Fantin Link Building/SEO Marketing

Related posts

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: