Dicas

Reforma Residencial: Dicas Essenciais Para Planejar a Sua

Quando falamos em reforma residencial, muita gente já a associa a estresse, gastos, bagunça e dor de cabeça, não é verdade? Porém, não precisa ser assim.

E sabe por quê? Porque se você souber como planejar a sua reforma residencial de maneira adequada, todo o processo será bem mais tranquilo e sem grandes contratempos.

Sendo assim, pensando nisso, nós separamos no artigo de hoje algumas dicas de suma importância para que você possa planejar a sua reforma residencial da melhor maneira. Veja!

Dicas essenciais para planejar uma reforma residencial

Orçamento

Uma reforma residencial, dependendo do tamanho, pode ter um custo considerável.

Por isso, a primeira dica que você deve se atentar é: estabeleça um orçamento adequado (e realista) para a sua reforma.

Então, antes de contratar qualquer profissional ou empresa, e antes de comprar qualquer material, faça pesquisas, solicite cotações e verifique quanto dinheiro você terá que desembolsar.

Você não vai querer ter uma obra superfaturada, não é verdade?

Portanto, pesquise bastante, se informe sobre todos os custos envolvidos na reforma e estabeleça um teto para o seu orçamento – e para isso, vale a pena utilizar uma planilha ou um aplicativo.

E claro, organize-se de acordo com a sua realidade financeira. Não cometa loucuras.

Cronograma

Toda reforma residencial precisa de um cronograma, afinal, tendo ele estabelecido, fica muito mais fácil de se organizar e acompanhar o andamento da obra.

Então, para monitorar a evolução da reforma e não desperdiçar tempo, monte um cronograma adequado – e, se possível, junto com os profissionais que vão trabalhar nela (o que nos leva à próxima dica).

Profissionais qualificados

Reformas pequenas, como pintar um quarto, não precisam necessariamente de um profissional. Você e sua família podem fazer isso.

No entanto, existem outros tipos de reforma (como as que explicaremos na dica seguinte) que são mais complexas, trabalhosas e que exigem mão de obra especializada.

Por isso, se esse for o caso da sua reforma, é importante que você contrate bons profissionais, profissionais qualificados.

Até porque, você não vai querer uma pessoa que vai te dar dor de cabeça, que vai atrasar a sua obra ou que vai te gerar gastos além do esperado, certo?

Então, se você precisar de profissionais como arquitetos, engenheiros, pedreiros, etc. para a sua reforma, antes, pesquise bem, avalie portfólios, peça indicações e só a partir disso os contrate.

Reparos de infraestrutura

Além de ajudar na valorização do imóvel, os reparos de infraestrutura contribuem para uma maior segurança em sua residência.

Então, se você pretende fazer uma reforma em sua casa, não considere apenas mudar a parte visual/estética dela.

Avalie também a parte hidráulica, elétrica e de reforços estruturais.

E se você pretende renovar a parte elétrica, é importante que, antes, um engenheiro perito faça análises e emita um laudo de conformidade das instalações elétricas, garantindo que tudo está de acordo com as normas e legislações vigentes.

Materiais

Toda reforma residencial requer alguns materiais e para não errar neste aspecto, primeiro: é fundamental se informar sobre as quantidades que serão necessárias. E segundo, é de suma importância pesquisar bastante e avaliar as opções disponíveis.

Então, não saia já comprando os materiais na primeira loja que visitar.

O ideal é pesquisar na internet, consultar e comparar preços, e avaliar onde cada item está compensando mais.

Pesquise em pelo menos três sites diferentes e em pelo menos três lojas diferentes. Assim, você terá muito mais chances de pagar um valor mais justo pelos materiais.

Além disso, vale ressaltar que você não deve olhar somente para o preço. Sabe aquela história “o barato sai caro”? Então, não cometa esse erro. Compre produtos que sejam de qualidade, que sejam um bom custo-benefício.

E quando for comprar os materiais, negocie. Pergunte sobre pagamento à vista, veja se com uma determinada quantidade sai mais barato… enfim, não aceite o primeiro preço logo de cara. Dê valor para o seu dinheiro.

Inspirações

Ao fazer uma reforma, principalmente no que se refere à parte estética ou estrutural, as pessoas normalmente já têm algo em mente, seja em relação às cores, ao material utilizado, etc.

Porém, em muitos casos, isso fica muito vago, ou seja, a pessoa apenas visualiza aquilo na cabeça dela.

Portanto, para ter uma reforma bem-sucedida, não dependa apenas disso, busque inspirações, acesse a internet, veja imagens, assista vídeos e encontre referências para utilizar em sua reforma.

De repente, você encontra ideias e sugestões melhores do que estava imaginando. 

Portanto, expanda os seus horizontes, não fique limitado apenas ao que pensou em um primeiro momento.

Agora, é claro que você deve fazer isso durante o planejamento, não quando a obra já estiver em andamento, afinal, se você quiser mudar as coisas no meio do caminho pode gerar problemas e gastos extras.

Imprevistos e reserva de emergência

Para finalizar, separamos um tópico que não é dos mais agradáveis, mas que pode acontecer…

Durante a sua reforma residencial pode haver problemas e imprevistos. É mais comum do que você imagina. E, dependendo da situação, poderá te custar mais tempo e/ou dinheiro.

Por isso, esteja ciente que tais situações podem acontecer. Mas não só isso, esteja também preparado para elas.

Então, para não ser pego de surpresa ou atrapalhar o andamento da sua obra, tenha uma reserva de emergência, isto é, uma quantia extra de dinheiro, além do orçamento, em caso de problemas e imprevistos.

Assim, a sua reforma será muito mais tranquila e com poucos ou nenhum problema!

Eder Oelinton

Jornalista, amante de tecnologia e curioso por natureza. Busco informações todos os dias para publicar para os leitores evoluírem cada dia mais. Além de muitas postagens sobre varias editorias!

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: