Dicas

Como os seus clientes estão avaliando seu comércio em tempos de pandemia?

Descubra o que você deve levar em consideração se quiser que seu estabelecimento continue atraindo clientes.

A pandemia causada pelo coronavírus fez com que a gente pensasse a respeito da valorização da saúde coletiva. Nesse cenário, estamos todos fazendo o possível para que vidas e histórias sejam preservadas.

Seguir as orientações da Organização Mundial da Saúde em relação ao isolamento social e medidas de higienização e assepsia é responsabilidade e obrigação de todas as empresas. Isso é ainda mais importante no contexto de quem trabalha no comércio.

Você já parou para pensar sobre o que os seus clientes estão pensando a respeito das medidas de prevenção da Covid-19 que foram adotadas pelo seu supermercado? Confira as informações a seguir para obter respostas mais concretas sobre isso.

É hora reforçar as medidas de higienização e proteção de colaboradores e clientes

Se você perguntasse para as pessoas, antes da pandemia, o que as levaria a escolher supermercado x e não y, é bem provável que as respostas seriam preços mais em conta, presença de estacionamento, variedade de produtos, entre outros.

Mas a realidade mudou. Nesse contexto de prevenção da saúde coletiva, as medidas de higienização e proteção são fatores decisivos. Para saber o que os clientes estão pensando a esse respeito, a SAX | Conta Pra Gente realizou uma pesquisa.

A pesquisa foi realizada com 1.757 pessoas, de forma online, no dia 04 de Junho de 2020. Todos os respondentes realizaram alguma compra presencial em Mercados, Supermercados, Hipermercados e Atacados nos últimos 30 dias.

Para te ajudar a compreender os resultados dessa avaliação, selecionamos as 5 principais categorias: frequência de compras, escolha do estabelecimento, escolha dos produtos, limpeza, higiene pessoal e proteção dos clientes e funcionários. Confira:

Frequência de compras: A pesquisa revelou que a maioria dos respondentes (77%) declarou a mudança na frequência de compras. Desse montante, 81% dos participantes da pesquisa afirmaram que estão indo menos vezes ao supermercado em relação ao período anterior à pandemia.

O mesmo vale para o tempo de permanência dentro do supermercado. Nesse caso, 52% das pessoas afirmaram que estão demorando menos para pegar os produtos e realizar o pagamento no caixa.

Local de compras: Os clientes estão preferindo fazer suas compras em supermercados e mercadinhos de bairro. 

Os dados revelaram que 78% das pessoas estão concentrando suas compras em menos lugares.

Escolha de produtos: Nesse quesito, 61% das pessoas afirmaram que vão ao supermercado com a lista de compras pronta. O objetivo é manter o foco nos produtos previamente planejados. 

Medidas de higiene: A presença de álcool em gel e a devida higienização dos ambientes e produtos também despertam a análise dos clientes. Entre os locais frequentados pelos respondentes nos últimos 30 dias, 76% dos respondentes disseram ter percebido a presença de álcool em gel disponível na entrada das lojas e nos corredores.

O percentual reduz em relação à observação quanto a higienização dos carrinhos (59%) e marcação de distância em filas (56%). Em relação à divisão de acrílico no espaço do caixa, 53% dos respondentes mencionaram ter percebido a adoção da divisão de acrílico no espaço do caixa.

Proteção dos funcionários e clientes: Apenas 73% dos respondentes observaram funcionários usando máscaras. Para um contexto de pandemia, esses dados não são positivos. A preocupação ainda é maior em relação ao uso de máscaras (foi percebido por 69% dos respondentes).

A limitação da quantidade máxima de clientes na loja foi identificada por 39% dos entrevistados. Por fim, apenas 32% declararam ter observado funcionários medindo a temperatura dos clientes antes da entrada na loja.

Por que esses dados são importantes?

Para finalizar as informações sobre a pesquisa, é  importante mencionar que 36% dos respondentes disseram ter deixado de fazer compras em determinada loja por questões de higiene.

Além disso, a negligência com a saúde dos funcionários e dos clientes é um fator que também levou a essa decisão. Neste artigo, nós compartilhamos uma pequena parcela de dados que foram obtidos durante a análise.

A tendência é que o nível de exigências aumente ainda mais. Por isso, reformulamos a pergunta que fizemos no início: seu supermercado está preparado para atender esses novos clientes?

A gente te convida a refletir sobre cada item compartilhado aqui e, a partir de agora, repensar as estratégias e processos do seu supermercado. Conte com a SAX para obter outras respostas completas. 

Confira a pesquisa completa sobre como os clientes estão avaliando o seu comércio durante a pandemia e entenda como estão as suas estratégias para este novo normal

Mostrar mais

Eder Oelinton

Jornalista, amante de tecnologia e curioso por natureza. Busco informações todos os dias para publicar para os leitores evoluírem cada dia mais. Além de muitas postagens sobre varias editorias!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
%d blogueiros gostam disto: